Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

Emagrecer eficazmente e com saúde? Nós ajudamos... a sério!

Bem... e agora "vamos ao que interessa"...

 

Todas/os vocês que me acompanham, sabem o quanto cada vez mais me preocupo com a alimentação, com o bem estar e com a boa forma. Gosto muito de me sentir vaidosa comigo mesma, por dentro... mas também por fora ;)

 

antes e depois barriga bikini.jpg

 

 

E quem me acompanha, ainda com mais atenção, sabe que a PronoKal foi o método que me fez perder quase 10 quilos, há uns mesinhos atrás. Com mais auto-estima, reaprendi a avaliar as refeições e alimentos que devia comer para me manter "na linha" e... consegui manter, quando acabei a parte mais restitiva da "dieta", o que é essencial , porque às vezes, e muito difícil fazê-lo. E fi-lo, porque continuei com um acompanhamento muito próximo e uma reeducação alimentar muito importante neste processo.

 

(Podem ver duas entrevistas e fotos minhas do "antes e depois" AQUI , AQUI e AQUI).

 

Ora bem... a minha ligação com o projeto ficou tão séria que, me tornei embaixadora do projeto da PronoKal " Comprometidos por um peso saudável" e depois de muito falarmos, pensarmos e avaliarmos... eu, em conjunto com quem de direito da marca, decidimos dar a oportunidade a algum/a seguidor/a do meu BARRIGA MENDINHA, de fazer um processo completo, do início ao fim! Sim! Vamos, em conjunto oferecer um tratamento completo e eficaz.. que só acabará quando... o/a "cliente" estiver com o peso adequado, a sua saúde, totalmente equilibrada e pronto a "levantar voo" sozinho/a...

rita saco pronokal.jpg 

Basicamente, vamos oferecer uma oportunidade única a quem queira comprometer-se (e tenham atenção a isso, porque não há milagres, atenção!... e preciso de gente focada e séria para este projeto) para conseguir um peso saudável e mudar a sua vida, conseguindo um maior bem estar a todos os níveis da sua vida.

 

Contentes? Eu estou, em extase! Queria tanto conseguir partilhar isto com vocês.... e agora tive carta branca para o fazer!!

 

Agora é a vez de um/a de vocês também poder alcançar o seu peso saudável, tal como eu própria fiz, ganhando uma primeira consulta médica Pronokal gratuita... e, depois da primeira avaliação ... tchan tchan tchan tchan...  um tratamento PronoKal completo. Parece-vos assim a melhor coisa do mundo ou não?

 

Procuramos alguém que queira mesmo perder peso, que precise de uma nova motivação, de um novo impulso, de uma ajuda séria. Será um/a de vocês?...

 

Bem, e o que têm que fazer afinal? É só seguir estes passos:

 

-Preencher este formulário com os vossos dados, explicando-nos qual é a vossa motivação para perder peso. 

 

-Colocar um like na minha página de facebook da Barriga Mendinha.

 

-O 500º formulário a ser preenchido terá direito a uma consulta médica gratuita, consulta essa que definirá se a pessoa em causa está ou não apta a fazer o tratamento clínico completo.

 

-O/a vencedor será acompanhado ao longo de todo o tratamento e eu irei mostrando os resultados aqui no blog. 

 

Vá lá... arrisquem. Daqui a 3 semanas certinhas (2a feira, dia 21 de Novembro) sairá o resultado da nova "magro" ou "magra" do pedaço! Boa sorte!

 

A consulta de rotina... e no Centro de Saúde...

 

IMG_20150915_163403.jpg

Esta semana fomos à "revisão".

 

Foram ambos ao médico de família fazer a consulta dos 3 e dos 5 anos e aproveitar e pedir o atestado de que estão super hiper saudáveis, para entregar na escola.

 

Ora bem, então o que fizémos nesta consulta? E o que se faz normalmente? Acreditam que eu fiquei espantada com tal cuidado e observação? E, atenção, que fomos ao médico de família no centro de saúde, nada de médicos privados ou amigo de amigo de amigo. E... a coisa correu bem, muito bem. Pelo menos eles vieram observados de cima a baixo e eu saí de lá com a sensação de ter "tudo sob controle", que é algo que sabe muito bem a uma mãe, principalmente se diz respeito à saúde das suas crias.

 

E então é assim que correm estas consultas de rotina, instituidas pelo sistema nacional de saúde:

 

Primeiro, a enfermeira de serviço mede-os e pesa-os e depois, antes de passar à "ala seguinte", faz uma revisão aos livrinhos de saúde das crianças e confirma se as vacinas estão todas em dia, avisando-nos quando são as próximas ( por aqui.... Afonso Luz tem uma já ao início dos 5 e depois só aos 8 e a Matita, por agora está despachada, só a tal dos 5 e ainda faltam mais de 2 anos).

 

Depois esperar... sim... atenção, este continua a ser o handicap (e grande) dos serviços públicos: a espera. Tirei o dia quase todo para isto. Porque entre tira senha, espera a vez, um faz birra, o outro tem sono, um entra, o outro vai a outra sala, afinal estamos no piso errado, um tem fome, outro foge pelo corredor, afinal a médica já saiu para almoço e temos que esperar mais um "bocadinho"... uffff... pois, entre tudo isto... a seca é monumental e para quem não tem, como eu, a possibilidade de tirar um dia de trabalho, deve ser efetivamente complicado.

 

Bem, mas seguindo, como levei os dois filhos com idades próximas acabaram por entrar ao mesmo tempo no consultório e felizmente consegui que se porta-se razoávelmente bem, enquanto o  outro estava a ser observado ( e também, porque a minha sogra, que foi comigo ia distaindo um a um, enquanto o outro estava na berlinda ;)).

 IMG_20150918_141405.jpg

A ambos foram pedidas tarefas adequadas  às suas idades para a médica perceber como estão a nível de evolução psicomotora e também de estímulo intelectual e lógico (puzzles de madeira, com cores, desenhos, palavras mais e menos difíceis, números, problemas básicos). Segiu-se o célebre teste da visão com um placard a 3 metros da crianças onde eles tinham que dizer que objeto viam e em que cor...IMG_20150918_141945.jpgIMG_20150918_141817.jpg

Resumo: A Afonso Luz não vê muito bem do olho direito e terei que farei uma consulta de oftalmologia com ele em breve, mas no resto está todo desenvolto e com saúde da boa ;) A Matilde Estrela, está com o peso um pouquinho acima da média e segundo ela...."bebézona" para a idade. Mas a nível de saúde, está tudo bem.

 

Saí de lá descansada e orgulhosa dos meus biscoitos ( e de mim mesma, por lhes ir proporcionando uma vida normalmente saudável como mentora desta fase da infância destes dois pequenos seres), mas também com a certeza de que nem tudo são rosas: tenho que ficar ainda mais atenta e estimular mais a Matita (para ver se ela dá o pulo e começa definitivamente a falar), obrigá-la a comer melhor ( menos doces, principamente, que são a perdição desta marota) e de que o Afonso talvez... ui... talvez, tenha que usar óculos. A ver vamos...

 

 

IMG_20150915_135927.jpg

IMG_20150915_140142.jpg

-------------------------------------------------------------------------------------------

 

_ a tshirt YSL dos traquinas é da Mademoiselle´s Tee, não ficam tão queridos?

_ ténis da Nike Kids

Simples e fashion, just the way I like it ;))

 

 

Novidades boas no meu ginásio ;)

HP-campanha-setembro-v01.jpg

Como embaixadora e fazendo parte da família Holmes Place,  cabe-me com, todo o gosto apresentar o novo programa cheio de vantagens deste regresso de férias...

 

HOLMES PLACE LANÇA PROGRAMA “30 DIAS DE BEM-ESTAR”

 

VOLTAR À ROTINA DEPOIS DE DIAS DESCONTRAÍDOS, SEM RIGIDEZ DE HORÁRIOS, ALGUMA PREGUIÇA E ALIMENTAÇÃO NEM SEMPRE SAUDÁVEL, PODE REVELAR-SE UM PROCESSO DIFÍCIL. É NESTE CONTEXTO QUE O HOLMES PLACE LANÇA AMANHÃ, 1 DE SETEMBRO, UM PROGRAMA QUE O IRÁ AJUDAR, PASSO-A-PASSO, A REGRESSAR DE FORMA TRANQUILA À NORMALIDADE DOS SEUS DIAS.  O PROGRAMA 30 DIAS DE BEM-ESTAR SERÁ A SUA COMPANHIA DIÁRIA E O SUPORTE NECESSÁRIO PARA TORNAR TUDO MAIS FÁCIL. PARA ACEDER AO PROGRAMA BASTA QUE SE REGISTE EM WWW.30DIASBEMESTAR.PT.

 

O registo permite-lhe o acesso ao programa de forma gratuita. Para começar, recebe duas ofertas de boas-vindas em jeito de celebração deste primeiro passo.

 

E depois? Depois, basta que siga o calendário e se deixe guiar pelas orientações dos nossos experts. Se num dia recebe uma dica sobre nutrição que o vai ajudar a perceber que a bola de Berlim da praia é passado, no outro bem poderá receber um voucher para uma aula especial que o vai surpreender…E o que dizer a uma sessão de fisioterapia a pensar na sua postura? Ou umworkshop que poderá fazer naquela tarde de sábado já com cheiro a Outono? Para não falar da massagem de relaxamento que vem mesmo a calhar…

 

Um conjunto de ofertas, sugestões e dicas que vão fazer a diferença!

 

Registe-se já a partir de dia 1 e conte com o Holmes Place para lhe proporcionar 30 dias muito especiais.

 

Vamos??

 

 

 

5 Alimentos indispensáveis para as crianças e ideias para as incluir na sua alimentação

Uma luta diária, pelo menos cá em casa... mas que como pais conscientes não podemos deixar de travar. Acho que ja sabemos a maioria deles, mas hoje, trago um texto exclusivo que a nutricionista do Holmes Place Alvalade escreveu para o nosso blog e que explica o que temos no que MESMO que insistir. Eu, fiz uma pesquisa de ideias que os poderão cativar, quando a tarefa não for assim tão facil. Claro que o ideal será sempre comer o alimento mais "puro" possível, mas também podem existir umas formas giras de lhes dar a volta e de nos fazer sentir que estamos no caminho certo....Ora vejam lá:

 

A dieta alimentar durante a infância é determinante no desenvolvimento da criança. Após a fase da amamentação passa a ser fundamental, podendo beneficiar ou prejudicar o desenvolvimento físico e intelectual.

 

Deve ser variada e incluir um aporte correto de proteínas, vitaminas e minerais, essenciais à formação óssea, dentes, tecidos, sistema imunológico, nervoso e muscular, podendo estar mais concentrados em alguns alimentos tornando-os, por isso, indispensáveis. Alguns exemplos:

 

1 - FRUTAS 

Podem ser incluídas em qualquer refeição; são coloridas e doces o que facilita uma maior adesão por parte das crianças. Devemos variar entre elas para obter um leque máximo de nutrientes, tendo sempre em atenção as alergias que podem surgir ou existir nestas idades.

polos-de-fruta.jpg

balik-elma.jpg

Trocitos-de-sandía-con-unos-palos-de-helado.jpg

 

frutas-peixe.jpg

fruit-serving1.jpg

 

2 - LEGUMES

 

Estes são muito ostracizados pela maioria das crianças, no entanto, tal como as frutas, são essenciais ao aporte de vitaminas, minerais e fibra e, da mesma forma, devem ser consumidos variadamente. Devemos ter sempre atenção na confeção uma vez que as temperaturas elevadas tendem a retirar alguns dos benefícios destes alimentos.

prato-massa.jpg

th.jpeg 

alimento_2.jpg

Legumes.jpg

 

 

3 - CARNES

 

Tanto a carne como os ovos são excelentes fontes de ferro, nutriente que previne a anemia e faz parte do desenvolvimento do sistema nervoso e circulatório. Devemos preferir as carnes brancas, mas não evitar as restantes.

comida-criativa.jpg

imagem514.png

 

 

4 - CEREAIS e LEGUMINOSAS

 

Arroz, massa, batata, pão e cereais são fontes ricas de hidratos de carbono, principal fonte de enérgica, e como tal, essencial para as crianças. As leguminosas são também boas fontes de ferro, proteína e fibra.

337f71bf54e90e4a5bb0c705c1a82f8d.jpg

67041_352870158152953_860558918_n1.png

imgHandler.jpeg

comida-divertida-1.jpg

 5 - CÁLCIO

 

Não é um alimento mas um mineral essencial ao crescimento ósseo e dentário. As suas fontes são variadas e controversas: leite e seus derivados e folhas verde escuras como a couve e brócolos.

4ew95vy1wd488yttuipmikrya.jpg

ratinho bolacha, queijo, presunto e cebolinha.jpg

crianca-comer-broculos.jpg

 

 

Inês Real

Nutricionista Holmes Place Alvalade

 

Mais dicas do Holmes Place, para ficar em forma

Aproveitando a minha parceria com a melhor cadeia de ginásios do mundo e arredores ( ahahha! Isto dos ginásios é mesmo uma questão de coração, todos acham o seu o top master!! ).. cá ficam mais dicas de uma profissional competente, para todas/os vocês que pretendem encontrar a forma desejada:

Dieta: como ficar em forma até ao verão

O verão já chegou Descubra a dieta a seguir para ficar em forma até lá.

Com a chegada da primavera e do verão saem do armário as roupas mais reduzidas. É nesta altura que a maioria de nós ganha a verdadeira consciência da forma física em que se encontra e decide que é urgente perder os quilos que surgiram, grande parte das vezes, durante o inverno.

Ainda vai a tempo de perder alguns dos quilos a mais até à chegada do verão sem que para isso ponha em risco a sua saúde. Para tal necessita de uma boa dose de exercicio físico, uma dieta alimentar equilibrada e descanso adequado. Conheça mais ao pormenor as dicas que o podem ajudar a chegar ao verão em forma:

  • Defina um objetivo: a primeira decisão a ser tomada é definir um objetivo e estabelecer pequenas metas de peso, que possam ser alcançadas em pouco tempo. Desta forma é mais fácil manter o focus e alcançar uma meta superior a longo prazo. É também importante ganhar consciência que o peso saudável deve ser atingido a longo prazo pois a perda de peso muito rápida pode ter consequências negativas para a sua saúde.
  • Faça 5 a 6 refeições por dia: é importante que não esteja longos períodos de tempo sem comer. Para além de diminuir o metabolismo, saltar refeições leva-o a fazer escolhas alimentares erradas e a comer mais depressa devido à fome que é normal sentir quando fizer uma refeição.

dieta em forma até ao verão

  • Mexa-se mais e trabalhe os músculos: fazer atividade física pelo menos 3 vezes por semana é fundamental para a perda de peso. O aumento da massa muscular promove o aumento do metabolismo, o que faz com que o seu corpo queime mais calorias. Para tal tem de incluir exercícios demusculação na sua rotina de treino.
  • Beba água: é frequente uma pessoa desidratada confundir o estímulo da sede com a sensação de fome, o que leva a que petisque alimentos desmasiado calóricos entre refeições. Para manter o corpo hidratado diariamente é recomendada uma ingestão de 1,5 a 2 litros de água por
  • Aposte em alimentos que controlam a fome: os cereais integrais, os legumes, as sementes e a fruta são alimentos que promovem a saciedade por serem ricos em fibras. Desde que beba a quantidade de água necessária, as fibras são excelentes para reduzir a fome e para diminuir a absorção de gorduras e açúcares pelo organismo. Evite bolachas e barras de cereais, optando por fruta ou cereais como a aveia.

dieta ficar em forma até ao verão

  • Durma mais: descanse pelo menos 7 horas por noite. Uma boa noite de sono é fundamental para equilibrar algumas hormonas que controlam o nosso metabolismo e apetite.

Todas estas dicas são fundamentais para atingir um peso saudável mas é importante ter a noção que devem ser aplicadas durante todo o ano, e não apenas no período que antecipa o verão. Para que consiga manter uma composição corporal saudável e constante ao longo do ano é importante que, para além de ser fisicamente ativo, aprenda a comer de forma adequada e de acordo com as suas necessidades. Se conseguir aplicar estas duas ideias certamente chegará ao verão em boa forma e sem receio de tirar as roupas mais reduzidas do armário.

Margarida Firmo
Nutricionista Holmes Place Alvalade

Preparem-se! Estes são os micróbios que os nossos filhos trazem nas mãos depois de um dia na escola...

Todos nos lembramos doas rezinguices das nossas mãe quando nos dizia para lavar bem as mãos depois de brincar porque... estavamos cheio de micróbios, não é verdade? E hoje em dia, com os nossos miúdos, não fazemos o mesmo? Claro!!

 

Pois é, já não tínhamos muitas dúvidas sobre a "porcaria" que vem agarrada às mãos depois de um dia a tocar em tudo e em todos, mas agora uma microbiologista resolveu mostrar o resultado que um dia de brincadeiras pode produzir bem na palma da mão de uma criança com uma vida social normal.

 

Para isso, Tasha Sturm, microbiologista e professora no Cabrillo College, nos Estados Unidos, fez um teste com as mãos de seu filho de apenas 8 anos. Tasha fez uma marca com as mãos do menino depois  dele algum tempo a brincar na rua.

micro1

 

micro2

micro3

Depois disso, deixou o material em incubação por 48 horas e esperou mais alguns dias pelo resultado final –  exatamente o que podemos avaliar nas  fotografias aqui apresentadas.

 

Diversas bactérias e fungos foram encontrados no material estudado, e sinceramente, se foram tão "nojentinhas" como eu, esta visão só faz com que sublinhe a vontade de lavar as mãos imediatamente. Tipo... Agora!!

micro4

micro5

 

No entanto, apesar de parecer nojento, a maioria dos organismos que se vêem nas imagens são inofensivos e, em alguns casos, até mesmo benéficos para nossa imunidade. Mesmo assim.. pode ser uma boa ideia mostrá-las aos nossos filhos. pode ser que se convençam mais facilmente na altura de fazer birra para as pôr debaixo da torneira. Que vos parece?

 

micro6

micro7

Todas as imagens © Tasha Sturm

Ervas e especiarias que ajudarão a melhorar a vossa saúde

 Hoje, vou "usar e abusar" da minha parceria com o meu Holmes Place... e falar-vos, no nome de uma das suas nutricionistas, de algo que adoro e utilizo bastante (até nos meus suminhos detox, acreditam?).... Ervas aromáticas. Que acham?

 

O uso de ervas aromáticas e especiarias conta com uma grande história na tradição e cultura alimentar de vários povos. A forma como confecionamos e temperamos as nossas refeições acaba por identificar as nossas origens, o nosso povo e reflete um bocadinho da nossa história. A associação destes alimentos na melhoria da saúde tem vindo cada vez mais a marcar o seu espaço dentro do mundo científico, dando credibilidade a muitas crenças e hábitos que advém dos nossos antepassados.

 

Destacamos algumas ervas e especiarias que poderão melhorar a sua saúde:

 

Canela - é uma boa fonte de fibra, cálcio e ferro. Tem efeitos no aumento do metabolismo, ajudando até na perda de peso. Vários estudos demonstram os seus benefícios na regulação dos níveis do açúcar no sangue, permitindo uma melhoria do perfil glicémico em pessoas com diabetes e pré diabetes. O seu consumo também ajuda a reduzir os níveis de triglicerídeos e do colesterol LDL (mau colesterol) em pessoas com diabetes tipo 2.

 

Açafrão - tem um grande poder anti-inflamatório promovido essencialmente por um dos seuscomponentes, a curcumina. Esta inibe o processo inflamatório, tendo uma influência benéfica ao nível de doenças artríticas, reumáticas e metabólicas. Pode adicionar-se a cozinhados como por exemplo estufados e assados.

 

Coentros – têm na sua composição teores consideráveis de caroteno, vitamina C, vitaminas do complexo B e ferro. Estes são antioxidantes, ajudam na melhoria de digestão e vómitos e têm um efeito calmante. São também vantajosos no tratamento de cólicas, flatulência e problemas de fígado.

 

Hortelã - tem função analgésica e expetorante, auxilia na melhoria da digestão e alivia as cólicas. Pode ser utilizada desidratada ou fresca e confere um aroma fresco aos alimentos, sendo por isso muitas vezes adicionada em bebidas.

 

Salsa - contém teores consideráveis de vitamina A, vitamina C, cálcio, zinco e ferro. Tem um grande poder antioxidante e anti-inflamatório. Na confeção pode ser utilizada em cru ou cozinhada. Duas colheres de sopa de salsa contêm cerca de 16% da dose diária recomendada de vitamina C.´

 

Gengibre - entre os seus nutrientes destacam-se a vitamina B3, vitamina B6 e vitamina C. Ajuda na prevenção do cancro, imunização contra gripes e constipações, na redução do colesterol, cicatrização de feridas e alivia a tensão pré menstrual. O gengibre também tem caraterísticas anti bactericidas e protege o estômago. Pode ser consumido em cru ou cozinhado com outros alimentos.

 

Alho - é rico em vitamina C e B6, cálcio, cobre, selénio e alicina. Este último composto é o que nos confere o hálito tão caraterístico do alho e é o mesmo que potencia os efeitos benéficos do alho na prevenção de doenças como as doenças cardiovasculares. O alho ajuda a baixar os níveis colesterol total e de triglicerídeos, aumenta os níveis de colesterol HDL (bom colesterol) e é um anti agregante plaquetário. Este também tem um efeito anti hipertensor, uma vez que permite a dilatação dos vasos, melhorando a circulação sanguínea. Alguns estudos também demonstram que o alho tem um poder bacteriostático (impede a proliferação de bactérias) e antifúngico.

 

Para além dos benefícios referidos, a utilização, na nossa dieta alimentar, destes alimentos permite-nos reduzir o consumo de sal e açúcar que adicionamos, permitindo-nos assim obter benefícios não apenas ao nível do tratamento mas essencialmente ao nível da prevenção de doenças tais como as doenças metabólicas.

 

Catarina Monteiro

Nutricionista Holmes Place Constituição

holmes-place-logo-.jpg

 

Levem para casa o "truque" da Pharma Nord para fugir aos doces ;)

PT_Chrom_VIP_Webbanner_650x442_1214.jpg

 Já devem saber da minha "panca" por suplementos alimentares, naturais atenção! Se não sabiam.. ficam a saber agora.

 

Acredito que, nos dias que correm, com o tipo de vida que vivemos (stress, alimentação deficiente, muita poluição...) os suplementos bem direcionados são quase uma espécie de "super alimentos" que nos vêm fornecer nutrientes que acabamos por ter em carência no organismo ou... ajudar a atingir alguns objetivos, dando um empurrãozinho com os seus componentes.

 

É o caso do produto que coloco hoje em passatempo! Um comprimidinho por dia e não imaginam as vantagens que tem.. principalmente para quem quer deixar de sentir... gula! Culpadas por aí? (sendo eu uma delas...) Então, fiquem atentas a este passatempo de uma marca que eu tanto gosto e da qual sou cliente há anos: a PHARMANORD.

11156182_800442673358765_854248573450682782_n.jpg

A Pharma Nord é um dos maiores fabricantes Europeus de suplementos alimentares e de medicamentos naturais de prevenção. A empresa desenvolve, fabrica e comercializa suplementos alimentares e medicamentos com foco na biodisponibilidade, segurança e documentação científica.

 

O crómio ajuda a reduzir o desejo por doces, pois equilibra os níveis de açúcar no sangue e por isso, é um fantástico alidado para o combate ao peso indesejado e mais que isso: É mesmo bom para a saúde! Sim, porque ainda para mais tem um "ingrediente" chamado ChromoPrecise  que é, no fundo a levedura de crómio com uma absorção 10 vezes superior. A única levedura de crómio orgânico na UE para o controlo do açúcar no sangue.

 

Tenho então oferecer 5 embalagens de BioActivo Crómio (30 comprimidos) da PHARMA NORD, ou seja, 1 embalagem para cada um dos vencedores.

 

Para isso, Façam um like na página Barriga Mendinha, visitem a da Pharmanord e aqui nos comentários do blog respondam-me simplesmente a:

 

- Porque é que o estilo de vida saudável está cada vez mais "na moda" e porque é que o tentam adequar ao vosso dia a dia?

 

Depois.... escolherei as frases que mais me inspirarem e daqui a uma semana lançarei os resultados. Combinado?

 

Grande beijinhos minhas gulosas! ;)


.

A "nossa" varicela foi assim...

...Que felizmente (ou não sei lá), não foi "nossa", só do Afonso Luz.

 

Há uns dias, fiz um post no facebook, pedindo às minhas seguidoras e aos meus seguidores que não estranhassem a ausência de um texto mais completo sobre a varicela e a forma como a família Mendinha passou por ela. estava, no fundo a aguardar se eu (que nunca tive a doença em pequenina) ou a minha Matilde Estrela iamos apanhar as chatas borbulhinhas, pois assim faria mais sentido contar tudo o que tinha acontecido.

Captura de Tela 2015-03-31 às 16.25.54.png

Mas... passaram já 3 semanas... e nenhuma de nós foi contaminada. Fortalhaças as meninas da família hein?? 

 

Sempre ouvi dizer que em famílias com mais do que um filho, o inferno da varicela termina num dos petizes (normalmente em 6, 7 dias costuma ficar tudo sanado, se for uma "varicela sem complicações", ficando só algumas marquinhas para sarar depois com o tempo e, claro para poder contar a história aos amigos ;))... e está a começar no outro... Mães desesperadas por terem que ficar em casa duas ou três semanas de seguida, porque esta doença não aparece ao mesmo tempo nos pirralhos, que seca... bem , mas a verdade é que quando as idades dos filhos não são são muito afastadas, quase 90% dos irmãozinhos dos "pintarolas" ( era assim que eu chamava ao Afonso Luz para me meter com ele)... apanham a dita!

 

E pronto... achando eu que iria ter que contar como gerir com 3 criaturas de seguida cheias de borbulhas e comichão...assim só tenho que contar a experiència de um... e que aqui entre nós, já deu pano para mangas, coitadinho!

 

A varicela é daquelas que não mata.. mas mói. Começa de vagarinho, com uma comichãozita aqui e outra ali ( a que não liguei muito no primeiro dia).. mas que ao fim de 48 horas de encubação (segundo dizem é nessa fase, em que ainda não sabemos que eles estão doentinhos que passam aos manos e outras crianças e adultos)... as malditas borbulhas invadem o corpo todo e eles sofrem imenso. Primeiro porque ao surgirem dão comichões horríveis e depois... porque lhes temos que pedir constantetemnte para não coçarem, para que não fiquem com muitas marcas visíveis, depois do surto passar...

Captura de Tela 2015-03-31 às 16.26.15.png

 Sempre ouvi dizer ( e até conheço adultos que mostram a deles com uma espécie de orgulho "varicelal") que a primeira borbulha a aparecer vai deixar marca para a vida. Algumas pessoas na cara, outras, com mais sorte no corpo num local menos vísivel. Ao meu filho, começaram no pescoço, na parte de trás. A ver vamos se a marca se mantém ou não.

 

Mas, deixem-me dizer-vos, mamãs e papás, que se nunca tiverem contato com esta doença de perto, e mesmo sabendo nós que é algo "banal" em miúdos pequenos.. é assustador ver minuto a minuto as borbulhas a aparecer (a primeira fase), depois a criar água (a segunda fase), depois ferida, principalmente quando inevitávelmente se coçam (a terceira fase).. e depois, o nascimento da crosta ( a quarta e ultima fase).

 

Tudo isto demora uns 6 a 7 dias, desde o início ao terminus. Depois, há que ter cuidado para que as marquinhas não fiquem na pele fresquinha deles ( aconselho, nas primeiras semanas, pelo menos na cara e tendo em conta que não é ainda Verão, usar um creme com proteção solar).

Captura de Tela 2015-03-31 às 16.30.27.png

Bem, depois de passado, depois de ter ouvido muita coisa, lido outra tanta, ter sido aconselhada por um pediatra e falado com muitas mamãs amigas que já eram experiêntes na coisa, aqui ficam as dicas, os produtos, a minha própria opinião, baseada em toda a informação que recebi de variadas formas:

 

A varicela é grave ?

 

Quando contraída na infância não. A varicela é uma doença geralmente benigna que dura 4 a 7 dias, causa mau-estar e febre baixa ( o Afonso quase não teve) , e origina lesões na pele que causam comichão. Mas a doença tem evolução favorável e raramente tem complicações, especialmente se houver cuidados higiénicos. Nos adultos, porém, os sinais clínicos e sistémicos da varicela são em geral mais graves e duradouros. A probabilidade de complicações com hospitalização é também maior em adultos.

 

Quem pode apanhar a doença?

 

A varicela é altamente contagiosa. Em Portugal práticamente todos os indivíduos são infectados pelo menos uma vez na vida. Temos evidência de que cerca de 57% das crianças com 6 anos de idade já contactou com o vírus. Aos 20 anos de idade, já cerca de 95% dos indivíduos foi infectado e esta percentagem tende para 100% com a idade. Baseado nisto, cálculos simples permitem estimar que o número de casos por ano em Portugal deve rondar os 100 mil. Pronto.. até aqui eu e a minha filha somos "tortas"... demos beijinhos, tomámos banho juntas com o mano, dormimos várias vezes na mesma cama.... e somos a tal mínima percentagem que não apanha... mas atenção, não se fiem nisso ( e não sei se ainda não se pode manifestar, apesar de já terem passado muitos dias...)

 

Quando ou porquê pode haver maior preocupação com a doença?

 

Se o seu filho/a apresentar vómitos contínuos, estiver excessivamente sonolento/a, tiver dificuldade em caminhar, tosse muito intensa, dificuldade em respirar, dor no peito, dor de estômago forte ou febre superior a 40 °, deverá consultar o pediatra, embora não seja necessário fazê-lo de forma imediata. São poucos os casos de complicações mas existem, há que estar sempre atenta!

Se o seu filho/a apresentar uma vermelhidão, dor ou inchaço excessivo nas zonas da erupção, tiver febre durante mais de uma semana ou continuar a apresentar novas lesões ao fim de 7 dias, é recomendável dirigir-se às urgências.

 

A vacirela não se cura... ela vai passando, mas há foram de atenuar os sintomas e prevenir que as marcas na pele predurem. Como?

 

•Para aliviar a comichão: É muito importante aliviar a comichão, que é o sintoma que mais incomoda o nosso/a filho/a. Os banhos de água morna com aveia ou com 1/2 chávena de bicarbonato não só resultam, como limpam a pele e ajudam a prevenir uma possível infecção bacteriana acrescida. Muito me falaram em Banhos com Maizena diluída no banho, fi-lo e pareceu-me aliviar, principalmente na altura. Depois do banho Creme sem parabenos ( eu usei  Strelatia, da linha da Mustela) e creme para colocar localmente em cada borbulha ( escolhi Pluricel da Uriage). Mas há outras opções... perguntem na farmácia. 

varicela3.jpg

 •Pode dar-se banho normalmente: Não há que ter medo banho às crianças mesmo que tenham uma erupção severa. O banho não alastra a erupção nem a agrava; pelo contrário, provavelmente ajudará a prevenir uma infecção bacteriana. Mas esfreguem-nos com cuidado e suavidade, e, em seguida, secá-los bem. ( bem... de qualquer forma... digo-vos que dar o banho, colocar água e mexer nas borbulhas... era um filme, ele não queria sequer que lhe tocasse quanto mais o metesse em água...que dramalhões se passaram aqui nem imaginam...)

 


Os anti-histamínicos por via oral também reduzem a comichão e ajudam a conciliar o sono. Por aqui, o Atarax em xarope foi vital para o aliviar nos primeiros dias e principalmente noite... e mesmo a dormir, gemia e queixava-se tanto, pobre miúdo ;(...

O Paracetamol também pode ser usado se a febre exceder os 38,5°. No entanto... e muita atenção a esta dica, NÃO se deve dar ASPIRINA ® a crianças com varicela, já que o binómio aspirina-varicela foi associado a uma doença denominada Síndroma de Reye, que afecta o cérebro, o fígado e os rins. Os antibióticos não têm qualquer efeito sobre a varicela, não vale a pena entrar nessa, ok?


•Procurar evitar que se cocem: Prestem especial atenção e cortem-lhe bem as unhas das mãos para evitar mais lesões ao coçarem-se.


•Às refeições, dieta normal: Proporcionem aos miúdos uma alimentação normal, mas tendo em conta que provavelmente não terá muita fome e por isso nada de preocupações se a quantidade habitual durante alguns dias. Deve, no entanto, beber muitos sumos e água. 


E pronto... agora... se algum dos vossos estiver assim... pensar positivo. Depois dos primeitos dias deles em stress e nós aflitase irritadas por vê-los assim e não poder fazer nada ... quando os sintomas começam a atenuar, não há porque não tentar relaxar e usufruir de uma semana inteirinha com eles. Jogos, sessões de filmes, desenhos, conversas, mimos e ronha... e no final de contas, tudo se cura muito melhor com carinho, não é? ( e vão ver que gostam desses momentos com eles, que se calhar não tinham há tanto tempo... eu por mim falo... quando "acabou" a "folga" até me custou levá-lo de novo à escolinha e entregá-lo às rotinas...).

varicela2.jpg

 

Coisas que todas devemos saber sobre a menstruação

sexo-durante-a-menstruação.jpg

Epá... hoje sim, o tema é mesmo de "gaja"... mas que "gajo" também pode ler, porque se nós deviamos saber mais sobre nós mesmas...então eles, nem nos passa a ignorância (e até desinteresse) sobre este sistema e épocas do sistema reprodutor feminino...

 

E como hoje estou "num daqueles dias"... cheia de dores de rins e de mau humor... pronto, este texto serve como catárse! Pronto... segue a informação:

 

Durante anos, ouvimos tantas histórias sobre a menstruação e o ciclo menstrual que achámos absurdos, sem fundamento. Mas alguns deles, apesar de não parecerem, podem  mesmo ser verdade, sim.
 
 
A média das mulheres menstruam aproximadamente 400 vezes ao longo da vida, dos 12 ou 13 anos até mais ou menos os 50, quando atingem a menopausa. É natural que existam  muitas histórias inventadas, mas algumas até têm um funo mais ciêntifico que ao longo dos tempos foi "romanceado".
 
Ora cá estão os Mitos, ou... verdades que parecem mitos... sobre a nossa "história". Muito útil, meninas!

94d93bac077bb17221b7ea987f03286a.jpg

1. Mulheres que moram ou trabalham juntas costumam menstruar ao mesmo tempo.
Aquelas que passam muito tempo juntas têm realmente a tendência de sincronizar os seus ciclos menstruais. Por mais que busquem respostas, os especialistas ainda não sabem explicar exatamente por que isso ocorre.
 
2. A mulher menstruada deve evitar pisar descalça no chão frio.
Embora a menstruação não a impeça de ter uma vida absolutamente normal, nesse período acontece uma baixa na resistência imunológica do organismo, propiciando as constipações. Além disso, o contato prolongado dos pés com o frio poderá ainda causar as cólicas.
 
3. A menstruação favorece o aparecimento de borbulhas.
A variação hormonal típica do período costuma estimular o surgimento de acne em mulheres com pele oleosa, é verdade. Um tratamento combinado entre o dermatologista e o ginecologista pode amenizar o problema.
 
4. Mulheres que menstruam tarde demoram mais a entrar na menopausa.
Essa regra, porém, não se aplica no caso das fumadoras: segundo pesquisas, as que tiveram contato com nicotina durante anos a fio podem entrar na menopausa mais cedo do que as não fumadoras, independentemente da idade da primeira menstruação.
 
5. Quem toma anticoncepcional pode sangrar quando está no período fértil.
Pode sim, no entanto, esse sangramento, é de caráter transitório. Caso demore mais do que um dia e ocorra com frequência, é bom consultar um ginecologista. E mesmo mulheres que não tomam pílulas podem apresentar um pequeno sangramento durante a ovulação. Só que não é menstruação. O intervalo é de no mínimo 22 dias, a partir do primeiro dia da última menstruação.
 
6. Absorventes internos ( tampões) podem levar à Síndrome do Choque Tóxico.
Embora mulheres que não usem absorventes internos também possam apresentar o problema, a incidência da Síndrome do Choque Tóxico (SCT) é maior entre as que utilizam esses produtos. A SCT é uma infecção rara, mas bastante séria, que pode ser fatal. O agente é a bactéria Staphylococcus aureus, que encontra nos tampões um ambiente propício para liberar toxinas nocivas. A dica é dar preferência a produtos de menor absorção, trocá- los a cada oito horas e suspender o uso caso esteja realizando algum tratamento (para corrimento, por exemplo), já que eles inibem a cura da infecção. Se durante a menstruação a mulher tiver febre alta, diarréia, dor de cabeça, vômitos, desmaios, dores musculares e ardor na pele, deve remover o absorvente e procurar um médico.
 

6fccb5198d383e375c3eb75b9db8d63e.jpg

 7. Para evitar doenças como a endometriose e os incômodos da TPM, é aconselhável tomar medicamentos que bloqueiem a menstruação.

Desde que sob orientação médica, os métodos e remédios que interrompem a menstruação podem ser usados, sem riscos, para evitar cólicas excessivas, Tensão Pré Menstrual (TPM)  de difícil controle, endometriose ou tumores de ovário. É preciso ter cuidado, porém, com os efeitos colaterais, presentes em qualquer medicamento.
 
8. Atletas normalmente menstruam pouco.
Bailarinas profissionais, corredoras de longa distância, ginastas e outras atletas que treinam várias horas por dia tendem a apresentar o ciclo menstrual irregular (trimestral, semestral ou até mesmo anual). Uma das causas é a deficiência da hormona estrogênio, provocada pela atividade física intensa. Outra razão pela qual as atletas menstruam com menor frequência é que parte das hormonas necessárias para o sangramento mensal se originam na gordura e essas esportistas possuem índices de gordura corporal muito baixos. Segundo a pesquisadora americana Rose Frish, da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, o sistema reprodutor feminino sofre prejuízo se o percentual de gordura estiver abaixo dos 17%.
 
9. Atividade física regular melhora a SPM.
Na quarta semana do ciclo menstrual, os níveis de estrogênio e de progesterona diminuem, fazendo com que o sistema nervoso central reduza a produção de endorfinas – substâncias responsáveis pela sensação de bemestar. Com isso surge ansiedade, cólica, dor de cabeça… Como a ginástica estimula a produção de endorfinas, mulheres ativas sofrem menos com os sintomas da tensão.
 
10. A menstruação pode causar endometriose.
Em alguns casos. Existe uma teoria que diz que durante a menstruação as células do endométrio passariam através das trompas de Falópio para a cavidade abdominal, onde se instalariam. Os locais mais comuns de implantação são os ovários, trompas e superfície externa do útero. Além de cólica severa, a enfermidade causa desconforto durante o ato sexual, infertilidade e alterações urinárias durante a fase menstrual.
 
11. As mulheres mudam de comportamento quando ovula.
Quando não se usa contraceptivos e se está afetivamente disponível, existe uma tendência da mulher expor mais a pele, usar roupas justas e adotar um comportamento mais exuberante durante a ovulação.

550e15b5dc2e184c76bb982dcb438686.jpg

 12. As mulheres  mais stressadas podem ter mais cólicas menstruais.

A tensão aumenta o nível de prostaglandinas, substâncias hormonais que o endométrio produz na menstruação e que desencadeiam dores e contrações uterinas típicas do período.
 
13. É impossível engravidar durante a menstruação.
Vale lembrar, porém, que nem todo sangramento é menstruação. Quando estão férteis, algumas mulheres podem ter um pequeno sangramento que dura, no máximo, três dias – e poderão engravidar se transarem sem proteção. Se perceber que o sangramento está ocorrendo no meio de um ciclo-padrão de 22 dias – isto é, por volta do 14o dia, no ápice da fase fértil -, sinal vermelho para relação sexual sem proteção.
 
14. No período menstrual fica-se mais sujeita a contrair doenças sexualmente transmissíveis.
Quando acontece a descamação do endométrio, a mulher fica menos protegida e mais suscetível às doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) – por isso, o ideal é usar preservativo, sim!
 
15. Tensão emocional e mudanças de vida ou de ambiente podem adiantar ou atrasar ‘aqueles dias’.
As hormonas que influem  a menstruação são produzidos nos ovários e também na hipófise, glândula ligada ao sistema nervoso central. Como esse sistema reage aos diferentes estados emocionais, a angústia e a tensão decorrentes de doenças, perdas ou mudanças no ambiente influenciam na produção hormonal e podem alterar o ciclo.

Fontes: [ Revista Viva Saúde/Diário de Biologia ]