Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

Um sábado de partilha "em família" com a Barrigas de Amor

E que vida cheia tem sido a minha! E, tal como um amigo meu me diz... tenho que dar graças à minha Estrelinha, por tanta coisa boa e energia e saúde para as ir gerindo e encaixando na minha rotina.

 

Sábado de manhã, foi tempo de "filho único" ( a Matita estava muito birrenta e o pai aproveitou para passar a manhã com ela) e eu e o Afonso domos usifruir de uma manhã muito especial. "Totalmente perfeita", como ele próprio disse.. porque teve atividades para crescidos e atividades (e prendas!!) para as crianças... E lá fomos nós, pela marginal, numa bonita manhã, rumo ao Hotel Vila Galé Cascais.

 

Para nós, as 5 bloggers convidadas para este evento privado promovido pelas Barrigas de Amor, houve workshop "Papas-Real", mais um dos projetos da Catarina Beato, a jornalista e blogger de "Os dias de uma princesa", que nestes últimos tempos se tem dedicado de corpo e alma à alimentação saudável. E em particular... às papas de aveia. E aprendemos mesmo muitas dicas. Como misturar os ingredientes, como adoçar, sem açucar, como "convencer" os mais pequenotes a comer de forma mais correta, sem fazer cara feia...

 

12244235_964829343592148_9101060102874487220_o.jpg

IMG_20151123_123728.jpg

E aqui estamos nós, as "5 eleitas", junto da mentora do projeto Barrigas de Amor,a Joana Poiares, que para além de parceira já se tornou amiga...

 

Da esquerda para a direita: a Joana (A Mãe é que sabe), a Patrícia ( Bicharocos Carpinteiros) , a Sara (Definitivamente são dois) , a Vera (As viagens dos Vs) e a Rita "eu mesma" (Barriga Mendinha) juntaram-se a nós no para uma manhã muito feliz...

12238012_964829733592109_5843550117803467800_o.jpg

 

12278779_964840623591020_7715537182998218732_n.jpg

12289651_964840633591019_3218472154144834961_n.jpg

11243713_964828810258868_1138076415617827395_o.jpg

12244431_964828683592214_5346408209021927307_o.jpg

 12244302_964829680258781_4713107497410276378_o.jpg

12239655_964840620257687_2928572009946478814_n.jpg

IMG_20151123_123527.jpg

12240252_964829790258770_2590977162732220883_o.jpg

 E assim foi...Com uma decoração Momentos com design de encher o coração! Muitos mimos da Nintendo que deixaram os mais pequenos em euforia , a PetizEmLinha animou e encantou e com a Mom and Me fizemos decorações de Natal recicladas que são um Amor! 

Um país em que personalizar se torna perigoso...

mães-mãe-espinha-fala-Frases-quarto-cabelo-você

 

Hoje dei de caras com um texto muito bem escrito sobre a forma como uma mãe (no geral, não lhe conhecemos o nome nem a identidade) lida com as birras da sua filha em público. Mais um do género.

 

Noutro dia, deleite-me com outro em que uma mãe afirma ser "perfeita na sua imperfeição" , uma descrição irónica mas muito realista, sobre os pensamentos e atos que são pouco politicamente corretos, mas que nos passam na cabeça a todas...

 

Mais outro em que alguém conta o que faz "nas costas dos filhos" para seu próprio deleite, até porque uma mãe não deve deixar de ter os seus segredos e os seus pequenos momentos egoístas.

 

Textos sexistas mas divertidos, mães que só querem meninos e as suas diabruras masculinas, outros de mães que só gostam de folhinhos e frufrús. Podemos até não concordar, mas fazem-nos pensar e tentar entrar na vida e experiências de outra mãe. Porque nem todas somos iguais, efetivamente, mas acredito que ao partilhar estas maneiras de estar e de ver a vida familiar, todas as formas acabam por ser válidas e nos fazer pensar... E se?...

 

Textos de mães que se acham o "top" por terem em casa uma equipa de futebol e consideram as de filhos únicos quase que uma farsa no mundo da maternidade, outros textos opostos, em que o filho único ocupa um lugar central na vida de uma mulher que só assim consegue ser feliz e não se imagina a "desfocar" a atenção para outras crianças...

 

Ah.. muita coisa sobre o sono (ou falta dele), o cansaço,  a alimentação, a  educação, o mercado de trabalho VS a vida familiar... principalmente sobre como estes ítens, que no fundo são aqueles que mais nos tocam, às mães dos tempos modernos. Temas que passam muito por histórias e formas de contornar a realidade que que ... há mesmo momentos em que as nossas amadas crianças dão mesmo connosco em doidas! Muita coisa que, basicamente... eu (ou outra blogger que se identifique), por mais vontade que tenha, não podia escrever nunca!!! Ou então teria a cabeça a prémio.

mae-estressada-a-pior-mae-do-mundo-mamae-tagarela-

É triste, porque sim, neste nosso país que tanto amo, mas que de tanto preconceito vive, é assim, enquanto que noutros ( Inglaterra, Estados Unidos, Brasil e até aqui tão perto, em Espanha, por exemplo), existem-nas aos magotes.

 

Mommy bloggers com milhares de  felizes seguidores ( apelido-as de felizes porque não comentam só para criticar, mas muitas vezes para dar ânimo à pessoa que escreve) e.... seguidores que comentam, que aplaudem, que entendem a ironia  e que riem com a "desgraça alheia" de quem sabe rir dos seus próprios stresses familiares (ninguém por dizer que está exausta e precisa de tempo para si, que o seu filho não come nada de jeito, que os coloca de castigo por estar de cabeça em água com as suas má criações ou que não aguenta as birras de outro e por isso, lhe apetece "pendurá-lo" no estendal!... lol... o vai pendura mesmo, get it???)...

fto_ft1_4686.jpg

 A verdade é que há temas de que me apetece tanto falar. Contar histórias mais privadas da minha vida de mãe, um pouco ao espelho dos tais textos que correm aí pela net tão divertidos, incisivos, que colocam o dedo na ferida... e que arrecadam milhares de likes e  comments ao nível do" Pois!! É que é mesmo assim que é lá em casa", "Eu não diria melhor", "Ser mãe não é ser perfeita", "Podia ter sido eu a escrever"... mas não fui.

 

Acabo sempre por desistir porque Eu Existo. Tenho nome, uma imagem pública (há quem acerte e quem não faça puto de ideia de que sou efetivamente) e... somos portugueses. Um povo que gosta de encontrar gaffes, encontrar "no que pegar"...Basicamente é isto.

 

Dou-vos um ou outro exemplo, coisas que me fazem  travar a ironia e forma aberta de escrever sobre temas mais delicados, para que percebam porque me controlo:

 

Imaginem, por exemplo que há uns tempos  cheguei a receber mails e mensagens que roçavam o malcriado, desejando-me mal e aos meus porque eu chamei "diabrete" à minha filha. Chegaram a dizer me que estava a chamar o diabo à minha vida. Ah... quando falei das birras que a Matita faz, dedos foram apontados dizendo que " a minha educação que dou é que não devia ser a correta". No que toca à alimentação, se mostro algum mimo menos saudável ( que não seja integral, fruta ou legumes e tal e tal...Hello!!! Sou preocupada mas não obcecada!!!), recebo mensagens e comentários acusando-me de que dou "veneno" à minha prol ou que devia ter mais atenção ao que lhes ofereço às refeições!...

Universo_Jatoba_birra.jpg

Enfim... e era isto. Tenho pena realmente. Porque quando leio estes textos tão giros, realistas, percebo que a maioria deles, apesar de veiculados por sites e blogues portugueses, são textos traduzidos, ou em última análise adaptados ao português.

 

Por outro lado, observo que as outras mommy opinion leadears aqui da nossa vida digital portuguesinha... quando o tentam fazer, acabam por ser aniquiladas pelas "verdadeiras mães de famíla perfeitas" que existem aí pela net aos montes. Aí. E só aí. E que se acham no direito de se achar melhores ou maiores ou de criticar o que não é para ser citicado, mas sim partilhado.

 

Por isso... é que sinto que mais vale ler e rir com os textos extrangeiros ou não assinados do que me "colocar a jeito" dessas inquizidoras da treta, que só decidem tirar uns minutos para dedilhar o teclado do computador... para dizer mal, porque Eu (ou outra que se identifique e seja real)  assinei a ironia, a asneirada, a piadola, a história embaraçosa, a insegurança, a dúvida ou o sentimento mais íntimo...não é isso minha gente? Que tristeza...

 

É que há tanta coisa "politicamente incorreta" super gira de ser partilhada, não há, digam lá?

 

Toda a famíla tem momentos de família louca, toda a mãe dedicada tem momentos de insegurança, toda a mulher com M grandes tem momentos em que se sente de novo menina e incapaz de seguir em frente. Mas depois... acaba tudo por correr bem de novo. É essa a magia...

 

Há tanto texto e tema irreverente de que se pode falar de forma real e didática,  mas ao mesmo tempo, puxar um sorriso ou até uma gargalhada... Porque de momentos maus, tambem podemos sacar divertimento. Só assim faz sentido...Bem... tanto texto, tanto texto.... Desde que não seja assinado... pelo menos por mim... que não quero ser saco de pancada.

Haus-For-Fun--Adesivo-De-Parede-Familia-Frase-120X

 

 

 

Fim de tarde a calçar pés e sorrisos ;)

Ontem o nosso fim de tarde foi para conhecer esta loja queridíssima. Fui buscar os babies Cada um à sua escolinha e fomos os 3 numa "romaria 2 em 1" até ao Centro comercial Amoreiras conhecer os Pés de Cereja.

 

Para a Mamã Mendinha, a perdição a ver "pézinhos" lindos para eles e para o Luz e a Estrela, um fim de tarde giríssimo, entre pinturas e brincadeiras com os filhotes de outras Mommy Bloggers como eu!

 

Os sapatos que trouxe?? Uns carneira giro e portugueses que vos mostrarei quando os pestinhas os calçarem com uma toilette bem gira.

 

Para já fica a dica. O espaço é super bonito e as coleções escolhidas são de morrer... ah e last but not the least, fica naquele que continua a ser o meu shopping preferido.

 

As fotos, com aquele olho clínico de sempre, são do Pau Storch e os sorrisos, a satisfação, o sono, as birras, os desenhos e os dedos de conversa.. são... créditos nossos, da família Mendinha e restantes intervinientes.

 

Boa sorte Pés de Cereja (só o nome é de morrer...). Que nos andem a calçar por muito tempo ;)

 

 

               

               

               

               

               

 

Mamã Rita: vestida por Tendências Clothes.

                  botas Lemon Jelly para Gardénia

Afonso: vestido por Metro Kids

Matilde: vestida por Bonaire