Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

Quando um dente de um filho cai... um coração de mãe descai ... lol

No meu coração de mãe, este primeiro dente caído caí-me também a mim no colo... assim como, sei lá...  como se de uma entrada na faculdade, uma primeira namorada,  o dia em que tirar a carta... se tratasse. Ou seja: é mesmo um marco na sua ( e na minha) evolução e... (pré) emancipação!  Ahhh... o meu filho está a crescer à seria! E agora, já não pára... Os dentes de leite a irem à vida... e eu aperceber que o bebé, deu lugar ao menino e o menino está a dar lugar ao rapaz. 

 

E tudo isto por causa de um dente? Ora pois. O "dente-símbolo", o "dente-crescimento", o "dente-independência," o "dente-daqui-a-uns -anos-já-só-quero- é-ramboia-e-chega-de-miminho"!...  

IMG_20170221_180429_113.jpg

 Acham mesmo que ele acredita na "fada dos dentes", ou é, mas é, um grande chico-esperto que quer receber mais uns "fungus-amungus" para ir completando a coleção e usa este pretexto, mais ele, para me "enganar" a mim com toda esta mimalhice que me derrete, como mãe, do que ... eu a ele, com esta fofa, porém, parva ( é o que os miúdos de 6 anos acham) tradição? 

 

Bem, vamos lá parar de "panicar" e , em vez disso, ver o lado positivo, ok? Hummm?? Qual é mesmo, a parte positiva?... Beber pela palhinha por entre os dentes? Gastar menos um milimetro de pasta de dentes? Poder "cuspir fininho" como um puto do bairro?

 

Pois... não há lá muito que celebrar. A não ser... efetivamente o mais extraordinário. O que, sem tretas e piadas clichet de progenitora, é mesmo  o mais importante e eu, como Mãe, devo ser  muito grata e feliz por poder assistir e poder participar:  o seu desenvolvimento como Ser Humano, o seu caminho rumo a Homem e um passo a mais no seu engrandecimento ( pelo menos eu assim o espero ;)) como Pessoa. 

IMG_20170221_180608_975.jpg

E pronto. Este foi o primeiro dente. Uma parte da nossa  simples história como família. Todos nos lembramos, de algum momento ou outro, de alguma história relacionada com os dentes de leite. Eu, por exemplo, tenho na memória, pedir ao meu pai para me atar o meu dente "abanante" com um cordel à macaneta de uma porta e fechá-la de rompante, tal como tinha visto nuns desenhos animados! Ahahah! Doeu para caraças... mas o dente saíu... e lá está, ficou na "história da minha história".

 

A do Afonso terá q ver com a professora Leonor, que foi quem ajudou nesta heróica tarefa, hoje durante o dia. Terá a ver com o "Dentolas", o boneco em forma de dente, feito  à mão pela tia Joana e que tem um pequeno bolsinho para guardar o dente. Terá a ver com a história da Fada dos Dentes que a mãe lhe leu há uns dias, antes de ir para a cama, quando o dente começou a querer "ir desta para melhor". Terá a ver com o fato de ter sido um dos últimos meninos da sua sala a quem caíu um dente ( aaaiii que nervos, com que ele andava!...). E terá a ver com o Carnaval em que se mascarará de.. Ninja... desdentado !

16830645_1207545769315118_5216952885249692956_n.jp

 Et Voilá! Parabéns "Puto Luz"... agora começa mais uma viagem. Quando um dente cai... continua a haver um mundo lá fora para ti! Boa sorte em mais uma fase de vida, meu amor ( comigo sempre ao teu lado, claro...)... E olha... já cá está a surpresaaaaaaaa!! 

 IMG_20170221_180649_844.jpg

 

--------------------------------------------------------------------------

 

PS: Escrevi este texto hoje à tarde e acabei agora de saber, quando o apanhámos na escola... que perdeu o dente, coitadinho!...Perder, sim... perder mesmo de perder, desaparecer, evaporar-se por ali pelo chão da sala de aula ou do recreio... E está num pranto, o pobre gaiato. O dente caiu de dentro da bolsinha do "Dentolas" e depois, o mais provavel é a empregada ter varrido ;( Já o tentámos animar mas não está fácil. Hoje vai mesmo ser dia de mimos. ( Afinal... não está ainda assim tão grande, o meu pimpolho. Desdentado ou não, com 6 ou 16... vai ser sempre o meu bebézolas...)

Decidi tratar dos dentinhos

E que decisão a minha...

Sim, porque não me pus só a tirar cáries ou a branquear os ditos.. decidi colocar 2 pivots ou implantes dentários (dentes falsos mas colocados de forma permanente e quase impercetível), algo que andava a adiar fazer há coisa de 3 anos ou mais acho..

As razões?

O preço elevado e as dores que sempre achei que um processo destes me ofereceria.. Ah e depois o fato de ter tido duas gravidezes quase seguidas e uma intervenção destas não fazer sentido nenhum (nem é aconselhado) nessa altura...

Bem... mas a verdade é que comecei a frequentar a clínica ONE e tanto me falou o Dr. Alejandro Vivas  ( o médico mais divertido à face da terra.. até nos faz esquecer as dores e nos distrai das picadas das anestesias brutais que levamos para fazer este "servicinho") dessas belas dentuças, que me convenceu que ficaria muito mais bonita se tivesse que deixar de sorrir com medo de que a risada fosse maior e deixasse ver os buraquitos lá atrás.

Sim... não acredito que, a quem lhe falte qualquer dente, não viva constantemente com essa sensação... Tenho ou não tenho razão?

Outra maravilha desta " descoberta", para além da simpatia e profissionalismo de todos os que tenho conhecido, é sem dúvida o preço deste tratamento. Normalmente um trabalho destes costuma rondar os 1000 e poucos (ou muitos) euros. Mas aqui, pelo fato da clínica ser uma multinacional conseguem fazer o hiper valor de 499 euros ( hum... não são 500, são 499 LOL). Falo nisto, porque é mesmo um preço fantástico, à volta de metade do normal. Por isso, mais fácil fazer logo os dois que me faltavam...

E não é por isso que somos piores tratados, muito antes pelo contrário. Agora olhando para trás...aquilo até me parecia mais uma clínica de estética do que um dentista...





A minha radiografia .. já viram que se vê tão bem onde faltam os dentes?




 O material " da tortura" LOL... e o mini dentinho que eu tive de arrancar..



A "tirar a foto".. ups... a radiografia ehehhe



A sala onde o Dr. Vivas me trata do sorriso ;)




As imensas recomendações que recebi ...


AQUI PODEM SABER TUDO SOBRE AS CLÍNICAS ONE

Somos os sorridentes Embaixadores da ONE ;)

Um encontro de bloggers é sempre um acontecimento giro de se ver. Primeiro porque temos sempre algo a dizer sobre algo...depois porque literalmente não nos calamos.. depois porque fotografamos tudo para postar mais tarde... 

Neste caso, ainda foi mais memorável por mais duas razões:

1 - Somos todos amigos, com pouco tempo para  os encontrar por isso foi mais uma desculpa para estar no " parlapié" ( eu, o Cláudio Ramos do blog Eu Cláudio e a Mónica Santana Lopes do Mulher é que manda )

2- A razão de estar ali, era porque " trambos" ( adoro esta estúpida palavra inventada por mim... ) fomos convidados para ser embaixadores das Clínicas ONE  e estávamos a falar de dentinhos, beleza, saúde e tudo do que vamos poder usufruir nas ditas.

Amámos os nossos doutores e doutouras, o espaço no Saldanha, a dona do espaço, uma " Portunhola" ( metade portuguesa, metade espanhola) com uma simpatia e sentido de humor fantástico e claro... uns dentes muito branquinhos!!!

Se se lembram acabámos de oferecer em cada um dos nossos blogs, 5 branqueamentos dentários, mas mais passatempos virão! Fiquem atentos/as ! 










Bora ao dentista ;)



Eu e o Afonso fomos ao dentista. Cada um pelas suas razões, mas no fundo... pela mesma claro: a saúde oral.

Eu, porque depois da gravidez (e mesmo durante) a sensibilidade dentária e das gengivas é maior. Agora dois meses depois e ainda por cima, estando a amamentar (o cálcio e outros nutrientes são “roubados” pelo fabrico do leitinho rico e perfeito) era a altura ideal para ir fazer um check up e uma destartarização.


Estudos efetuados a uma série de grávidas e recém mamãs, concluem também que é uma época em que muitas vezes, por estarmos centradas em tantas outras coisas, esquecemos a saúde bocal. Quantas vezes, por exemplo por termos o bebé a chorar ou por não haver tempo senão para as obrigações maternas e da casa, nos “esquecemos“ de lavar os dentes depois de todas as refeições... Parece parvo, mas se pensarem bem, não deixa de ter a sua razão de ser.



Enfim, seja como for, lá fui eu para as mãos maravilhosas da minha dentista, a Dra. Noélia Dias, que ainda por cima tem uma baby Mafalda da idade do Afonso Luz, 2 anos e poucos mesinhos. Por isso, juntando o profissionalismo de uma dentista e a sensibilidade de uma mãe...


A mim... destartarízação, observação dos sizos que tenho que arrancar (Good! Por isso é que mesmo com esta idade ainda me falta algum juízo...) e a promessa de um pivot (sim... falta me uma dentuça lá atrás que tenho que repor mal possa fazer anestesias a fundo).





Ao Afonso... bem, ao Afonso a observação foi feita na “nave espacial“ (a cadeira que sobe e desce e é cheia de luzes), que depois de me ter visto a mim de boca abertam adorou o exame. Tem os dentinhos de leite todos no sítio e nada de cáries ou tártato, que muitas vezes começa a atacar os miúdos em tenra idade por comerem muitos doces e porcarias...

Aqui, na CLÍNICA RIO, que fica na Expo, estão habituados  a receber muita criançada e o meu pirralho adorou de tal forma que parecia que tinha ido ao parque infantil. Pudera!! Esteve a fazer desenhos e a ver o canal “Panda” na sala de espera e andou sempre artilhado com uma gigante escova de dentes pertencente ao Crocodilo que é a mascote da parte de Odontologia Infantil da “ Rio”.

Olha vejam-nos lá a “curtir” a ida ao dentista como se de um programa lúdico se tratasse... Olhem que não é para todos lol....


Saúde oral na gravidez

Desde que descobri a Dr.ª Noélia, os segredos e mitos sobre o que fazer/ou não fazer na gravidez no que diz respeito aos dentes, dissiparam-se. Fiz um ckeck up com ela, ao que se seguiu um destartarização (perfeitamente aceitável para uma grávida, porque de agressivo não tem nada...). Depois, desafiei-a a colaborar no nosso blog para que as “minhas grávidas” tenham acesso a alguma informação simples e rápida sobre o assunto. Ora cá vai um bocadino de Saúde oral na gravidez:

“As alterações fisiológicas e hormonais provocadas pela gravidez desencadeiam, principalmente  na gengiva, uma maior reacção a produtos inflamatórios, como a placa bacteriana, que se acumula quando a higiene oral não é frequente ou adequada.

Há estudos recentes que correlacionam as doenças gengivais com os partos prematuros e nascimento de crianças de baixo peso (<2500 g). A grande maioria das grávidas apresenta uma gengivite gravídica - inflamação das gengivas provocada pela acumulação de placa bacteriana. Os sintomas são gengivas avermelhadas, “inchadas” e que sangram facilmente com a escovagem. Ter um maior cuidado durante a escovagem, com esforço para lavar muito bem a margem entre a gengiva e o dente e uma maior frequência de escovagens, são óptimos inibidores da gengivite.
Um mito muito frequente na gravidez, é que, a formação dos ossos do bebé retira cálcio aos dentes da mãe. Este conceito está profundamente errado. Algumas cáries que surgem durante a gravidez, não são mais que pequenas lesões que já existiam e que evoluíram, revelando-se nesta fase. Ou que a sua evolução foi acelerada pelo maior número de refeições ou de guloseimas devido aos “desejos” ou pela maior acidez da saliva resultante dos vómitos normais nesta fase.

Caso necessite recorrer ao médico dentista, a melhor altura para marcar consulta é no 2º trimestre. Os primeiros 3 meses são muito importantes no desenvolvimento do bebé, devendo haver o mínimo de intervenções médicas. Durante o último trimestre, o tamanho da barriga já não proporciona conforto na cadeira e o stress associado às visitas ao dentista pode aumentar a incidência de complicações pré-natais.

Caso necessite de tratamentos, mesmo que com anestesia, não se assuste, pois é sempre mais seguro um tratamento dentário do que deixar uma infecção oral progredir e ter implicações negativas no bebé. O primeiro passo para garantir uma boa saúde oral é realizar uma consulta antes de engravidar e efetuar todos os tratamentos dentários necessários. De 3 em 3 meses estão indicadas consultas de higiene oral para manutenção da saúde gengival. 

Visite o seu médico dentista e previna qualquer problema com antecedência. Na gravidez só se desejam sorrisos lindos e de felicidade!”


Por : Noélia Dias  - Médica Dentista  Clínica RIO