Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

Orgulhosa de fazer parte dos autores da coleção "Imaginem só" da Science 4 You.

Semana passada louca com muito a acontecer... Mas vamos por partes e por prioridades.

 

E o lançamento de um livro, direcionado para as crianças, com cariz solidário e que foi um convite feito por uma marca portuguesa que adoro (e que tem todo o mérito pelo trabalho original e didático desenvolvido), a várias figuras de peso do nosso panorama cultural e social... é sem dúvida motivo de imenso orgulho e motivo de um post muito cuidado e e muito destaque.

12362904_10153732074545688_3072219104642424575_o.j

12365926_10153732074865688_3844854903031682990_o.j

Ora bem, o livro ( no fundo é um pequeno conto) já tinha sido escrito por alturas do Verão e a história surgiu do pequeno e possível "brain storming" com os meus filhos, onde chegámos à temática da preocupação ambiental. Misturei duas personagens à ideia, o Onhos, um extra terrestre "menino" muito simpático e a sua melhor amiga, a Aura e... pimpa.... tivémos história a desenrolar-se , mal me sentei frente ao computador. 

12359969_10153732075055688_7594496036050031741_n.j

 A coleção, essa,  chama-se “Imagina Só” e esta sexta feira passada, 9  dos 35 autores convidados para o projeto final autografaram, simbolicamente, os contos que escrevemos para a coleção,  nascida da parceria entre a Science4you (empresa portuguesa que se dedica à produção, desenvolvimento e comercialização de brinquedos educativos) e a Operação Nariz Vermelho. Para além de mim, estiveram presentes, a Patricia Bull, a Rita Redshoes, o Fernando Alvim, a Rita Marrafa de Carvalho, a Paula Lobo Antunes, a Inês Folque, a Maria Botelho Moniz e a Joana Teles. E mais virão para o próximo mês. 

F7kyX43.jpg

 Os Doutores Palhaços partilharam a sua alegria com os presentes. Por entre bolas de sabão, músicas originais, bebidas fumegantes e conversas animadas, a magia da Operação Nariz Vermelho foi uma constante.

 

E agora.... o essencial: para já, 16 títulos da coleção ( entre os quais o meu "Onhos e esta terra que ele tanto ama")  já se encontram à venda exclusivamente nas lojas Pingo Doce. Com um PVP de 2,99€, por cada livro vendido, 0,50€ cêntimos irão reverter para a causa da Operação Nariz Vermelho. Que bom, não é?

 

Em 2016 serão lançados os livros dos restantes autores. E sem dúvida que eu estarei ao lado destes outros lançamentos com muito gosto e orgulho.

 

 

Como as crianças maquilhariam a sua mãe

Sabe, quem quer parecer mais perfeita.. que fazer uma make up sem parecer apalhaçada não é mesmo tarefa facil.. Não exagerar aqui, colocar os tons certos ali... e parecer o mais natural possível não é? Mas há tarefas ainda mais difíceis...Passar um delineador com destreza, aplicar a base uniformemente e acertar na cor das sombras é dose:).

 

A experi~encia que se segue, não se baseia, no entanto, no que nós, adultos, achamos que é bonito... mas sim as crianças. Para elas o bonito não está na subtileza ou perefeião, mas sim na explosão de cores. Querem provas?

 

A fotógrafa canadiana Heise decidiu debruçar-se sobre o tema "beleza" e tentou resgatar o conceito que tinha sobre isso na infância ao convidar um grupo de mães e suas filhas, todas com idade de 4 a 5 anos, para uma sessão de maquihagem e fotos. O detalhe é que a maquilhadora não seria a mãe, mas sim a menina.

 

Munidas de um poderoso kit de maquiagem, as crianças tiveram total liberdade para deixar as suas mães mais bonitas – e o bonito, no caso, saiu completamente diferente do conceito padrão.

 

Esse projeto foi inspirado nas minhas tentativas de enxergar a beleza da forma como eu a via quando criança”, explicou a fotógrafa sobre a série, intitulada #Daughterdoesmymakeup. Olheiras e marquinhas não foram escondidas pela maquilhagem, esqueçam lá isso... mas com certeza elas ficaram lindas... aos olhos das filhas <3

 

Vejam as fotos, que máximo, acho que um dia vou deixar a Matita exercitar assim a sua "arte" em mim:

Heise1

Heise2

Heise3

Heise4

Heise5

Heise6

Heise7

Heise8

Heise9

Heise0

all rights reserved www.heisephoto.com Elly Heise Photography

maquiagem-criancas4

 

all rights reserved www.heisephoto.com Elly Heise Photography

maquiagem-criancas7

all rights reserved www.heisephoto.com Elly Heise Photography

Todas as fotos © Heise Photo

 

Como uma menina de 4 anos pode ser modelo, artista e designer de moda...

 

Há menos de um ano, Angie notou que a filha, Mayhem, se interessava um pouco mais por moda do que seria de esperar de alguém com quatro anos. E revelava um talento especial, sempre que se agarrava algumas das roupas que a mãe comprava: criava os seus pequenos, e na época modestos, acessórios de papel.

 

Dos lenços e cachecóis, Mayhem foi desafiada pela mãe a passar para os vestidos. E se o primeiro encantava pelo esforço da pequena estilista, hoje os vestidos revelam uma complexidade bem maior.

 

Angie garante, em entrevista ao Huffington Post: “as ideias são praticamente divididas 50/50, mas a Mayhem constrói muito mais do que a maioria das pessoas provavelmente imagina. Essa é uma das melhores coisas deste projeto, eu vejo a sua evolução e novas habilidades a cada dia”.

 

A mãe diz que Mahyem sabe exatamente quantas folhas de papel precisa para construir uma blusa, por exemplo. E que consegue juntar tudo e criar um projeto sozinha. “Definitivamente, os projetos mais complexos têm mais do meu tempo investido, mas ela está, literalmente, sempre ao meu lado, a aprender algo novo, quando não está rasgando ou colando coisas”.

 

Além das habilidades enquanto fashionista, Mahyem pode ser ainda, pela aparência encantadora, menina-modelo do seu próprio projeto. O primeiro vestido era assim:

MayhemDresses0

E isso foi o que se seguiu:

MayhemDresses1

MayhemDresses2

MayhemDresses3

MayhemDresses4

MayhemDresses5

MayhemDresses6

MayhemDresses7

MayhemDresses8

MayhemDresses9

MayhemDresses10

MayhemDresses11

Além disso, Mayhem ainda se inspira em celebridades pra produzir outros vestidos:

MayhemDressesCele1

MayhemDressesCele2

MayhemDressesCele3

MayhemDressesCele4

MayhemDressesCele5

MayhemDressesCele6

MayhemDressesCele7

Você pode ver mais trabalhos desta mini artista no Instagram da mãe, onde tudo começou.

todas as fotos © @2sisters_angie

Fonte: hypeness.com

Casas de banho diferentes

 

Ok ok, admito que estou um bocadinho obcecada por casas de banho agora que estou a meio das obras monumentais que decidi fazer na minha...

 

E apesar da solução que escolhi ser bastante discreta e clean... apeteceu-me pesquisar umas ideias malucas para decoração deste cantinho tão importante na casa de qualquer um de nós.

 

Além disso, as que aqui apresento são muito divertidas e de certeza que encantariam a qualquer criança. Acessórios, decoração, cores, inovações... Ora vejam lá a originalidade destes designer "idiotas":

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

The world's best father (or worst ?..)




Quando esta menina crescer vai ter uma coleção das fotografias mais caricatas que se possam imaginar!
Tudo isto porque o seu pai decidiu criar uma série de fotografias onde ele e a sua bebé Alice Bee são os protagonistas.

O projeto chama-se "THE WORLD'S BEST FATHER" e simula situações completamente descabidas e perigosas, sempre com a intenção de arrancar um sorriso sarcástico a quem as vê.

Segundo o próprio Dave Engledow ( o autor das mesmas e pai da menina ), estas nestas fotos ele representa o pai que ele não queria definitivamente ser ... ( Distraído, egocêntrico, negligente, maldoso até...mas... que a filha adora!! )

A ideia é que este trabalho seja apelativo a pais e mães mas não só... ele quer chegar a todo o público. Diz ele : " Desde que a Alice nasceu comecei a postar fotos dela no facebook e fui-me apercebendo, por amigos, que a maioria das vezes, as fotografias que nós, papás, achamos querida e maravilhosas, são enfadonhas para o resto. Assim, com este ciclo, percebi que consigo manter os meus amigos interessados em acompanhar o crescimento da minha filha ".

E acredito que fiquem. O trabalho é tão giro, que vale a pena tirar uns largos minutos para o ver minuciosamente. Digam lá se não tenho razão?













































Dicas para inovar as refeições dos nossos babies



Hoje descobri por acaso aqui pela net uma foto mesmo gira de sandes  feitas para encantar os miúdos. E pus-me a procurar mais e mais. 

O que encontrei não os encanta só a eles... garanto-vos que também muitos adultos como eu ficarão perdidos nesta criatividade colorida que encontrei. 

E, se nos guiarmos pela imaginação, se nos inspirarmos nas imagens e adaptarmos alguns alimentos que aqui aparecem a alguns outros que temos em casa... acredito, que a partir de hoje os nossos filhotes passarão a ficar em pulgas cada vez que lhes dissermos que vamos ter “ refeição especial”... 

E assim... o jantar empolgante dos douradinhos passará em 3 tempos a ser passado. É que a partir da primeira sandocha de bonecada.. essa pequena e irritante barra de peixe por si só, deixará de valer grande coisa ( a não ser que agora passe a fazer parte da nossa " história" - sim, acho que com estes pratos maravilhosos podemos até inventar as histórias mais giras ).

Acredito que até o Pluto (a última imagem) que é composta por alimentos como os bróculos e as cenouras cozidas, que normalmente não aliciam os nossos filhos, será petiscado em brincadeira até ao fim...

Gostaram das ideias? Fiz um apanhado do que encontrei para servir de incentivo... é que há tantas hipóteses de inovar e criar. E é bom para eles.. e para nós, que ( vejo por mim...) às vezes estamos tão cansadas que achamos que nada resulta.

Bora experimentar? Estimula-nos a nós e ... engana-os ( ups... encanta-os, era o que queria dizer...) a eles!