Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

A par com a "estreia oficial" do guia parental elaborado pelo governo, "Tenho uma criança"

 banner_horizontal.jpg

Ser um cidadão ou cidadã atento/a é tanto criticar, como aplaudir. Sabemos que tantas coisas podiam ser melhores, na nossa sociedade, e no apoio à infância e maternidade e paternidade ainda vai havendo muito a fazer. Por isso, é que pequenos grandes progressos como estes que hoje vos apresento, são motivo de felicidade. Porque nem todos nascem ensinados, porque as "primeiras viagens" são sempre motivo de inseguranças, porque a parte burocrática às vezes nos falha, por falta de informação ou até contra-informação....

 

Tenho uma criança é uma das medidas do programa Simplex+2016 que reúne, num só guia, toda a informação relevante sobre a paternidade e maternidade nos primeiros anos da criança, seja na área da saúde, prestações sociais, direitos laborais ou declarações de rendimentos.

banner250x250.jpg

 A partir de HOJE, os futuros e recém pais e mães já podem aceder a www.portaldocidadao.pt/tenho-uma-crianca e encontrar informação sobre os direitos das grávidas trabalhadoras, licenças parentais, ou podem saber quais os passos que devem dar para registar o nascimento da criança. O portal informa ainda sobre os apoios financeiros disponíveis e os benefícios fiscais, ajuda a encontrar um plano sobre vacinação, bem como esclarece sobre educação pré-escolar, entre outras informações relevantes que até aqui estavam dispersas pelos vários serviços públicos.

 

Tenho uma criança foi uma medida desenvolvida pelas áreas governativas Modernização Administrativa, Finanças, Justiça, Ministro Adjunto; Educação, Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e Saúde. Que nós, aqui no Barriga Mendinha, aplaudimos de pé ;) Parabéns pela iniciativa!

 

Votar é um direito e um dever, a meu ver...

Para quem, por algum motivo, não sabe onde votar (mudou de casa, de cidade, etc) aqui fica o link muito simples e útil .


Basta colocar o número do Cartão de Cidadão e a data de nascimento .

 

Acabei de o fazer e amanhã, pela manhã antes dos meus (muitos) afazeres do dia, vou, exercer o meu direito de voto. Podem existir sempre muitas desculpas mas a verdade...é que quem quer consegue!


Porque votar é um Direito do qual não devemos abdicar e mesmo para quem não sabe em quem votar e se queixa do estado real deste país... ficar em casa não é de todo a solução!

 

Nem que seja para votar em branco, a nossa insatisfação ou esperança em algum dos partidos e políticos deve ser expressa. 

 

Só assim pode haver mudança.

 

https://www.recenseamento.mai.gov.pt/

Captura de Tela 2015-10-03 às 13.06.59.png