Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

Aprendendo a ser felizes...

IMG_20171108_114734_987.jpg

"Aprendendo a ser felizes"... mas, isso aprende-se? Dêem-me já a receita certinha e direitinha, que compro ( e e muitos milhões, de certeza) já, já!

 

Buhhhhh!!! Nã... isso não se aprende, devem estar a pensar, isso é capaz de ser um dos  maiores mistérios da humanidade. Por que raio é que alguns têm tudo o que outros ansiam e são tão infelizes, porque é que outro, com tão pouco e em condições extremas conseguem  encontrar a felicidade em cada pormenor...

 

Mas... atenção, há um Mas... se alguma esperança pode existir ainda nesta matéria, talvez comece na infência, talvez os primeiros anos nos moldem, em muitas carateristicas definitivas e nos moldem a forma de estar e de aproveitar a vida ( ou não..) na idade adulta. E é por isso, que para nós, mães e pais com essa consciência, é muitas vezes difícil perceber por que caminho seguir com os miúdos, como ajudá-los a tirar melhor partido das vivências, aceitar quem são, não perdendo a curiosidade e rebeldia próprias da infância... principalmente vivendo numa época com demasiada informação ou mesmo contra informação... ui... às vezes não é tarefa fácil fazer este papel de "mediadores da felicidade"...

 

Por tudo isto, achei brutal que uma marca de brinquedos, a Imaginarium, decidisse fazer um estudo sobre a felicidade e em como ela é alcançada pelos miúdos Portugueses... Ahhhh.... mas um estudo e tal.... como raio é que um estudo nos vai ajudar? vai vai, pelo menos a mim, abriu-me os olhos 8 e também o coração), surpreendeu-me, emocionou-me, quebrou alguns dogmas... enfim, na manhã que passsei entre jornalistas, bloggeres e especialistas na(s) mátéria(s) ( parentalidade positiva, perdagogia e sim... brinquedos...), muito aprendi e muita matéria levei em mãos para refletir.

 

Entre os objetivos da Imaginarium está o de ajudar no desenvolvimento dos futuros adultos, e por isso lançou o programa Aprendendo a ser Feliz, com o qual reforça o seu compromisso com os pais e a sociedade. Este programa nasce com o objetivo de fornecer ferramentas e conteúdos úteis que ensinem aos pais a educar na felicidade, e educar em valores através do acto de brincar. O programa irá desenvolver-se ao longo dos próximos dois anos, trabalhando cada um dos eixos da felicidade, oferecendo pautas e sessões de coaching em vários pontos de Portugal e conteúdos disponíveis online. Um programa desenvolvido por um grupo de reconhecidos pedagogos, psicólogos e especialistas em parentalidade e educação.

IMG_0423.JPG

 Ora cá vão alguns dados interessantes:

 

8,8% das crianças portuguesas nem sempre é feliz, oscilando entre a felicidade e a tristeza. Esta é a percentagem de pais que responde que, apesar das facilidades e comodidades ao seu dispor, os seus filhos nem sempre são felizes. Segundo o estudo, a felicidade seria construída a partir das relações sociais e familiares, do tempo que os pais podem passar com os seus filhos, e do tempo passado a brincar e a explorar o mundo através da brincadeira real.

 

A percentagem de infelicidade aumenta com a idade. De acordo com os seus pais, 15,25% das crianças entre os 7 e os 8 anos nem sempre são felizes, descendo para os 13,29% na faixa etária dos 5-6 anos e fixa-se em apenas 6,4% de crianças infelizes entre os 0 e 2 anos. “A crescente pressão imposta às crianças e jovens, tanto por pais como por professores, onde o desempenho académico, a competição entre pares e a necessidade de alcançar a perfeição em todas as atividades realizadas são uma constante, tem, certamente, um impacte negativo na felicidade das crianças.” explica Rui Lima, professor, pedagogo e membro do Painel de Especialistas da Imaginarium. “Ao brincar, a criança está a conhecer o mundo, mas também a conhecer-se a ela própria. Tem consciência das suas capacidades, mas também das suas limitações. E é a partir da forma como a criança gere estas duas realidades (o que consegue e o que não consegue) que vai aprendendo, que se vai desafiando a ela própria, que vai procurando as soluções para os problemas que enfrenta.” conclui Rui Lima.

 

Tudo isto justifica a preocupação dos pais portugueses com o futura da felicidade dos seus filhos. Neste sentido, para 80,4% dos inquiridos esta é uma das suas principais preocupações.

 

E de que maneira contribuem os pais para a construção dessa felicidade? Para 45,9% dos pais, o mais importante é que os seus filhos se desenvolvam num ambiente familiar e escolar onde se sintam valorizados e queridos. 34% dos pais acredita que passar mais tempo com os seus filhos é um contributo importante para a sua felicidade, e 17% afirma que os seus filhos serão mais felizes se puderem explorar o mundo real através da brincadeira.

 

“A plasticidade cerebral de uma criança é gigantesca até aos 6 anos” explica Magda Dias, coach e membro do Painel de Especialistas da imaginarium “É fundamental que estejamos extremamente atentos à felicidade das crianças e que as ajudemos a encontrar o seu papel dentro da família através da brincadeira”.

550858-970x600-1.jpeg

 Apenas 0,44% dos pais identifica os jogos com ecrãs (tablets, smartphones, etc) como uma das chaves para a felicidade das crianças, um dado que se vê reforçado pelos 19% que os identifica como o tipo de brinquedo de que as crianças mais gostam.

 

Segundo os pais, a principal causa da infelicidade nas crianças é não poder passar tempo suficiente em família (26,38%), não ter tempo para brincar (21,37%) ou ficar de castigo (16,45%). Na faixa etária dos 7 aos 8 anos, o facto de não terem tempo suficiente para brincar é motivo de infelicidade para 38% das crianças.

 

“Queixamo-nos da falta de tempo. Na relação entre pais e filhos, há dez minutos que podem ser preciosos. A felicidade que queremos com os nossos filhos está nessa atenção. Em vez de estar sempre a reagir, temos de aprender a agir”, comenta Rita Ferro Alvim, autora e membro do Painel de Especialistas da Imaginarium.

 

A maioria das crianças portuguesas é feliz, segundo o estudo, mas apenas 22% é plenamente consciente dessa felicidade e capaz de expressá-la. 60,4% dos pais acredita que os seus filhos são conscientes da felicidade, mas têm problemas em manifestá-lo. Para 6,4% dos pais, os seus filhos não são conscientes da sua felicidade nem o manifestam.

 

Dentro dos tipos de brinquedos que mais criam felicidade nas crianças, as bicicletas e veículos de rodas surgem à cabeça, seguidos dos brinquedos relacionados com a música, a arte e os trabalhos manuais (35,7%) e dos jogos de construção e de lógica (30,87%). Quando questionados sobre qual o seu maior contributo para a felicidade dos seus filhos, 33% dos pais respondem que é “fazendo os seus filhos sentirem-se ouvidos e queridos”, seguido de 28% dos pais acredita que passar mais tempo com os seus
filhos é o principal contributo, e 14% que defende que o fundamental é reforçar a autoestima da criança “elogiando-o e incentivando-o quando faz as coisas bem”.

 

 

Os presentes que darei hoje à Matita no seu 3º aniversário

Ora e não é que a minha mais bebé.. já naõ é em bebé... é uma menina... e está hoje a fazer 3 anos?!

Querem ver os presentes que recebeu (e vai ainda receber durante o dia)?

12191919_881106125292419_8253073309810156525_n.jpg

 

Este baú de pano foi uma oferta da "Danoninho" e trazia um teatrinho de fantoches do Bebedino. Eu.. adaptei a "baú das prendas".. e olhem, gostei tanto da ideia que acho que vai passar a ser tradição nestes momentos festivos.

12193610_881099351959763_9189343863565266614_n.jpg

 De cima (esquerda):

 

.Lego da Dra, Brinquedos ( o a mano já tinha recebido nos anos e eu acho que os Legos os estimulam muito...)

 

.Guarda chuva My Little Poney, comprado na Primark ( o mano já tinha um dos Aviões e ela andava sempr com ele)

 

.Puzzle para aprender as cores ( anda muito "color- dislexic" a minha filhota, esta pode ser uma ajuda, feita no meio de brincadeira) da Science 4 You, é rara a ocasião que envolva presentes que não haja algo desta marca portuguesa que é super acesível e interessante

 

.Malinha/caixinha da Kitty comprada na H&M

 

.Conjunto de Pinipons

 

.Casinha das Barriguitas

 

.My Little Poney (comprei todos  estes últimos 3 brinquedos no Jumbo, numa promoção, que penso que foi até dia 20... onde muitos brinquedos selecionados estavam a 60%!!! Por isso.. comprei os 3 quase pelo peço de um!)

 

.Escova da Kitty comprada na H&M

 

.Carteirinha das Princesas da Disney da Primark

Captura de Tela 2015-10-29 às 11.06.53.png

Não estranhem tanta coisa da Hello Kitty, a insistência da "gatinha muda" tem sido da Matita e claro, que sendo a decoração da festa e a temática essa... muitas das prendinhas vão tê-la em destaque... Olhem este conjunto da H& M... o máximo não é?!

 

 

Aproveitar o feriado... para fazer brinquedos em casa!

E quando nenhum dos brinquedos comprados nos faz sentido ou quando queremos puxar pela imaginação ou quando queremos um projeto forte e comum com os nossos filhos?

 

Quando isso tudo acontecer... meteremos mãos à obra e construiremos os nossos ( ou antes, os deles...) próprios brinquedos.

 

Partilho ideias e inspirações. Gostam? DIY (do it yourself) para todos os gostos:

0d2dd0f6241fdae7ab2f00d0997f875c.jpg

  

a15eba9c5542f7e0ace12c2ffa1b058b.jpg

 

gefdsdgf.jpg  299bf211928eceed2be572daa94016c0.jpg9fa2df6974992badb86edf911f1cbc7c.jpg

ma-79.jpg 

9fcfc00fa5c6f67fc5c8d9cff552bb7a.jpg

 

62a7567498545b5a7cac0d2c6b979f5f.jpg

37d0f7f05c3982670ebd9a8508b06107.jpg

1744dc11397a69f7492486c44212b0e1.jpg

 

 

 

 

E os brinquedos eleitos são...tcham tcahm tcaham tcham....

E porque Natal com crianças tem que ter brinquedos, eis que depois de muito pesquisar, calcorrear, auscultar e farejar.. são estes os eleitos pela Mãe Mendinha e pelo Pai Natal para fazer euforia lá em casa nos dias 24 e 25.

IMG_20141217_144438.jpg

 Da Mattel, para ela, a Princesa Sofia Falante que tem uns animaizinhos fofos que conversam com ela e que a vai deixar louca de excitação, eu seiiiiii  ;) 

boneca-princesas-disney-sofia-mattel-kidsecia-1753

 

 

... E para ele, a pista Baía do Tubarão da Hotweels, com que ele anda a sonhar há semanas... literalmente... desde que começou a ver o anúncio passar nos canais dos desenhos animados.

 

 

2486_1.jpg

 

Da Science 4 You, um Dinossauro gigante de madeira em puzzle (ela anda maluco com os dinossauros e este ainda por cima traz um livro cheio de fotos e explicações , eu acho que aos 4 anos é usual esta pancada...) 

puzzle-3d-madeira-t-rex.jpg

...E para ela, a menina que adora pintar e desenhar em tudo o que encontra um cãozinho lavável onde ela pode rabiscar tudo o que lhe apetecer (sem ser o sofá da sala ;))

caixa-peluche-lavavel-cao.png

 

Ah.... para terminar este  maravillhoso  "cabaz" ( e que bem servidos que acho que ficam...), o Xeno da Giochi Preziosi, do qual já falei aqui quando o recebi para fazer  a review que fiz.... e que ando a esconder há quase um mês, para que os meus babies sejam surpreendidos só no Natal... Este vai ser para ambos, e vamos ver se... das duas uma.. ou se comportam e tratam ambos dele... ou se vai haver fita e competição para ver quem o agarra primeiro. Ai, até tremo!!!...

XenoVisualJumpage1_1.jpg

 

 

 E pronto.. mais coisas, irão, de certeza à ultima hora aparecer... então do resto da família.... ui... nem imagino o que irá dar... e onde vou arrumar tudo! Por isso é que temos mesmo que fazer uma escolha de brinquedos que já não usamos ( já pedi ao Afonso para ir pensando e escolhendo) e distribuir pela Associação que visitarmos no Natal. E assim sim... eles irão disfrutar como deve ser destes brinquedos maravilha que vão receber este Natal.

 

Gostaram da escolha? E por aí? O que se vai oferecer?

 

 

 

Quem raio é este Xeno??

E pronto!!! Nunca mais chega o Natal para poder levar este novo membro da família para casa... ando aqui numa inquietação! E hoje é hora de vos falar nele, ele que já anda há uns dias, aqui no escritório a olhar para mim de lado..

 

E quem é este ranhoso que tanto me está a entusiasmar e que tem prenoitado no meu office nos últimos dias ?(se eu o levar, não vou resistir e ele aparece antes do dia 24 de Dezembro, de certezinha - ainda bem que os meus filhos não usam ainda as redes sociais, senão lá se ia perder a supresa mais gira deste Natal)...

 

Bem, esta repelente mas querida criatura , foi criada pela Giochi Preziosi e chama-se o Xeno. O seu toque é parecido com o da pele verdadeira, tem uma ranhoca que foca flurescente a cair pela sua narigonga, tosse, arrota, fal, ri, chora, dança.. eu sei lá!! e... promete ser o mais recente amigo (ou inimigo, a ver vamos...) lá da prole.

 

Lá que é original é, e lá que estou entusiasmada lá isso estou. Ainda não o liguei, ou o "fiz nascer", se assim quisermos entender, porque a partir desse momento, ele irá pedir atenção, carinho e muita dedicação... vou deixar isso para os meus infantes. E daqui a um mês, contar-vos-ei a reação. Deles... e do boneco, claro ;)

 

 

IMG_20141124_155356.jpg

IMG_20141124_160811.jpg

 

interaktivnyj-monstr-xeno-sinij.jpg

 

E até tem uma aplicação para descarregar que faz com os seus seus olhos brilhem e interajam conosco, sem lhe mexermos efetivamente.. 

IMG_20141124_160656.jpg

 Bem.. vejam mas é o vídeo que mostra as potencialidades desta criaturazinha estranha mas amorosa:

 

 E onde comprar?? Epá.. ele anda a invadir tudo o que é loja de brinquedos, supermercado, grande superfície... não vão ter dificuldade em dar de caras com o Monstrinho... 

Novidades da BABIES'R'US




Acreditem que é verdade.. para quem há uns anos atrás só queria ouvir falar de catálogos de roupa fashion, sapatos de marca italianos e gadgets ligados à música - devido à minha profissão de dj - este meu galopante interesse por novidades para crianças é a cada dia que passa uma descoberta brutal e cada vez mais abrangente!!!

Se há um ano, as  minhas escolhas acompanhavam a idade de um ano e meio que o Afonso tinha, depois passei para as " Gravidisses" depois de ter a Matilde.

Agora.. o interesse é para os dois.



Recebi hoje o novo catálogo da Babies’R’Us e está cheio de coisas giríssimas, vou comprar meia loja.

Vejam só o que encontrei por lá:

Agora que a Matilde se vai movimentar mais, dá-me um jeitão um parque destes.




 O Afonso vai ficar louco com esta mini retrete dos "Cars". É que está mesmo na altura de precisar e todas as ajudinhas extra para deixar as fraldas ;)

 Este berço de viagem vai servir na perfeição para as viagens de trabalho que se avizinham.



Andava à procura deste patim maravilha, que se aplica na cadeirinha da Matilde e onde o Afonso se " pendura" todo senhor para ir passear connosco. Não estava fácil de encontrar.


Vejam o catálogo completo  AQUI