Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Barriga Mendinha

Barriga Mendinha

SER MÃE por Flor Guerreiro


Decidi criar uma nova rúbrica no nosso Blog que se chama SER MÃE.

Aqui darei espaço próprio e na 1ª pessoa a algumas mulheres emblemáticas da nossa sociedade e espaço público, que conhecemos noutras facetas mas que ao experimentar a Magia da Maternidade se sentem felizes em explicar o Amor que lhes mudou as vidas e as prioridades.

Grávidas, recém mamãs ou já mães de família: eis as mulheres a quem vemos a faceta pública mas muitas vezes não conhecemos como conciliam vida profissional e maternidade nem  nunca as sentimos tão perto, na privacidade das palavras dirigidas aos Amores das suas vidas: os filhos.

SER MÃE também é isto: Partilhar. Por esta partilha agradeço, já que sei que nos vai inspirar a todas.


A primeira convidada é uma das manequins portuguesas mais consideradas, internacionais e uma das melhores da sua geração.  Chama-se Flor, tem 28 anos e é mãe da linda Noémie de quase 2 anos.

Obrigada a ambas.




SER MÃE

A vida definitivamente tem duas fases: antes e depois de ser Mãe.

Tudo muda MESMO. Sentir uma vida a crescer dentro de nós transforma-nos e segurá-la nos braços sem nada pedir e tudo necessitar faz-nos sentir o tão falado mas pouco sentido puro Amor.

Chega a ser algo primitivo, é animal o sentimento de protecção e força que nos transmite a maternidade.

Uma bênção, um milagre? Chamem-lhe o que quiserem, não há palavras que descrevam a transformação que se dá em nós, mulheres, há um sentimento poderosíssimo que nos faz questionar como é possível amar tanto... e é.



Queremos o melhor para eles mas o que é o melhor, é essa a grande questão? Vamos descobrindo pelo caminho... E cada dia é mesmo uma descoberta, uma celebração da Vida e do Amor e por isso tudo o resto vale a pena.

Vê-los sorrir, brincar, aprender... crescer e apenas uma certeza: Quero estar aqui por ti filha para sempre, ver-te crescer e seguir tua vida com a certeza que és feliz, que somos felizes. O  resto a vida proporciona. 

Amo-te :)


por: Flor Guerreiro, Manequim